Trabalho Voluntário – O prazer de dividir um pouco de nós mesmos

trabalho

Caros amigos, como estão?

Ao ler a matéria intitulada “Trabalho voluntário contribui para formação profissional” da página Educação do Portal Brasil, tive a ideia de escrever sobre o que penso a respeito de “Amar o que se faz e fazer por amor”.

No meu simples entendimento, eu acredito que há uma diferença gigantesca entre a frase: “AMO O QUE EU FAÇO” E “FAÇO POR AMOR”.

Exemplo 01: Se você trabalha no que ama fazer e ganha dinheiro com isso, então temos: “Amo o que faço, mas, não faço por amor”.

Exemplo 02: Se você trabalha no que ama fazer e não ganha dinheiro com isso, isso é “Amo o que faço e faço por amor”.

O Exemplo 01 é bem simples de ser explicado: Eu amo ser professor, mas, não posso fazer por amor, pois eu preciso do salário para sobreviver. Então, “Amo o que faço, mas, não faço por amor”.

No caso do Exemplo 02, em meu trabalho voluntário eu consigo exercer as duas características amar o que eu faço e fazer por amor, pois não espero nada financeiramente em troca.

Penso ser necessário fazer esta diferenciação, para não ficar caindo em demagogias para valorizar o próprio trabalho. E o que tem de errado em Amar o que se faz e não fazer por Amor?

Afinal de contas, quem ama não espera nada financeiramente em troca, então, quando quiser dizer que “Ama o que faz e faz por Amor”, faça um trabalho voluntário, pois é nele que você consegue concretizar isso!Para tentar incentivar mais pessoas a realizarem trabalhos voluntários, deixarei aqui algumas dicas feitas pelo Portal Brasil, 2017:

Coletivo da Cidade

Localizada na Cidade Estrutural (DF), a ONG atua prioritariamente com o atendimento de crianças e adolescentes no contraturno escolar, oferecendo alternativas artísticas e educativas como meio de transformação social. Para saber mais, clique aqui.

Engenheiros sem Fronteiras

Organização internacional social formada, principalmente, por engenheiros e estudantes de engenharia, que desenvolve projetos sociais de forma sustentável para mudar a realidade de pessoas e comunidades necessitadas. Para saber mais, clique aqui.

Doutores da Alegria

Organização sem fins lucrativos que utiliza a arte do palhaço para intervir junto a crianças, adolescentes e outros públicos em situação de vulnerabilidade e risco social em hospitais públicos. Para saber mais, clique aqui.

Greenpeace

Organização com missão de proteger o meio ambiente, promover a paz e inspirar mudanças de atitudes que garantam um futuro mais sustentável. Para saber mais, clique aqui.

Espero que ajude e que gostem.
Grande Abraço.

Fonte: Portal Brasil. Trabalho voluntário contribui para formação profissional. Disponível em: http://www.brasil.gov.br/educacao/2017/01/trabalho-voluntario-contribui-para-formacao-profissional. Acessado em: 21 fev. 2017.

Por:
Emerson Rodrigo Baião
Amanda Nello
João Ferreira Neto

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s